Início Política Vereadores de Santana do Cariri acusam presidente da Câmara de fraudar eleições

Vereadores de Santana do Cariri acusam presidente da Câmara de fraudar eleições

4 Lido
0
1
305
https://www.facebook.com/msjoiasfolheadas/

O clima está quente na Câmara Municipal de Santana do Cariri. Um grupo de vereadores se retirou da última sessão após a chapa que faziam parte na eleição da nova mesa diretora ter sido impugnada e retirada da disputa de modo, segundo eles, arbitrário por parte do presidente.

O presidente Chico Lopes alegou três motivos pelos quais a chapa encabeçada pela vereadora Luciene Soares não poderia participar da votação.

Ele alega que assinatura do registro de candidatura não é da vereadora, diz que a chapa não foi protocolada no prazo determinado pelo regimento e que os demais membros da chapa não assinaram o registro.

Todas as informações foram repassadas pelos vereadores João Cabral, Lucas Matias, Fernando Maia e Luciene Soares durante entrevista a uma rádio de Juazeiro do Norte. O grupo de parlamentares que sentiu prejudicado, no entanto, nega que tenha respaldo as alegações do presidente e armam que Chico Lopes legisla em interesse próprio, pois faz parte da base e é tio do atual prefeito Pedro Henrique (MDB).

De acordo com João Cabral, a chapa foi registrada com 48 horas de antecedência, como pede o regimento interno da Câmara. Ainda segundo o parlamentar, a votação que elegeu a chapa vencedora não deveria ter ocorrido, já que no momento da votação apenas 4 vereadores estavam em plenário, sendo regimentar que hajam pelo menos 6.

O grupo de vereadores que se sentiu prejudicado com a impugnação se retirou do plenário antes que os votos começassem a ser contabilizados para tentar barrar a votação, mas os trâmites continuaram normalmente.

Os parlamentares farão mais um movimento durante a sessão da próxima quinta-feira (8). Segundo João Cabral, o artigo nove do regimento interno da casa diz que qualquer vereador pode pedir impugnação de uma chapa vencedora, e que a decisão deverá ser tomada em plenário. Como são sete parlamentares, eles esperam derrubar o grupo vencedor já na próxima sessão ordinária.

Foi tentado contato com o presidente Gildo Loes através do número de final 3282 mas as ligações não foram atendidas ou não completaram.

Por: Felipe Azevedo

Comentários de Facebook
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Junior Moral
Carregar mais em Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 + catorze =

Verifique também

Juazeiro do Norte-CE: Bispo de Sobral preside Missa em sufrágio do Padre Cícero Romão

Nos primeiros raios do sol, milhares de romeiros buscavam assento no largo da Capela do So…